Follow me on Twitter RSS FEED

Drops de Churrasco - Ed. 5

Nas categorias
E por aqui seguimos nós, eu aqui e você aí, trancados num escritório nesta sexta-feira de sol, curtindo cada pixel do monitor, adorando cada célula deste excel que Deus nos deu, e, no meu caso, mastigando linhas e mais linhas de programação. Adoro isso, passar o dia lendo coisas como "?php echo $this->GetSkinUrl('..." realmente é uma rotinha engrandecedora, faz bem pro corpo e pra alma, deixa a pele mais bonita e os cabelos mais sedosos. Enfim, trabalho é trabalho, cada um tem o seu, cada qual com as suas dificuldades, mas todos aqui temos que concordar com uma única e inabalável verdade: num dia lindo como este, tudo o que a gente gostaria era de sair correndo pelado pelo mundo vestido de Super 15, mas.. como correr pelado e vestido ao mesmo tempo? largar o esqueleto sob o sol e esvaziar a mente, tal e qual a lagartixa, que perde o rabo mas não perde a compostura...

Isso me lembrou de uma expressão genial, que ouvi de um amigo de infância (sim, eu tenho váááários amigos da tenra idade, isso é bem legal). O lance é o seguinte: sabe aqueles dias que a cabeça da gente simplesmente não funciona, o corpo não anda e a alma não aparece nem em centro espírita? Isso costuma acontecer nos pré-feriados, ou pós-esbórnia, a gente sabe disso. Pois é, a expressão diz que nestes dias a gente trabalha em "Modo de segurança". Quem já pilotou um computador com windows na vida sabe bem o que é isso, né? É assim, o sistema carrega, o windows funciona, mas só no basicão. Não abre mais do que dois aplicativos de uma vez, não entra em rede, não mostra nem papel de parede. Sem muito esforço, sem fadiga. Do jeito que a gente gosta, economizando energia.

Esse papo de trabalho em lembrou de uma cena surreal, que presenciei dia desses. Perto de onde moro tem uma casa de comida árabe chamada "Esfiha Chic". A comida lá é bem gostosa, mas não é chic, não. E o atendimento, bem... o atendimento é um show à parte. Estava eu ali, aguardando o pedido número 00003422 sair pela janelinha, quando de repente fui abordado pela garçonete. Vai me oferecer um refrigerante, imaginei eu. Ledo engano. A garota abaixa-se ao balcão e saca um porquinho, escrito "Maria". Sim, um porquinho, daqueles de cofrinho de criança. Na sequencia, vem o pedido: "Moço, ajuda a Maria a voltar pra Pernambuco?". Maria era ela, o crachá denunciava. E eu não tenho muita compaixão com gente que fala de si próprio usando a terceira pessoa. Pensei comigo: "Maria, você não é o Pelé pra se chamar de Edson e você voltar pra Pernambuco não é um problema meu". Pensei tudo isso, mas delicado como um parafuso de trator, disse a ela que não, não a ajudaria. Ah, mas Maria não conseguia entender porque eu não queria colocar a minha moeda no cofrinho dela. Segue o diálogo:
Maria - Mas moço, eu te servi tão bem...
Daniel - Ok, mas pra isso eu estou pagando 10%.
Maria - Mas eu tenho que juntar um dinheirinho pra voltar pra Pernambuco..
Daniel - Boa, continue se esforçando, outras pessoas vão pagar 10% e você vai conseguir.
Maria - Po, moço, o senhor vai ser ruim assim comigo?
Daniel - Maria, se eu fosse teu chefe você tava na rua, minha querida.
Maria - Ô, moooooçoooo......
Enfim, eu não gosto de ser mal-educado com ninguém, e realmente não sou. Mas tem gente que merece, viu. Ah, se alguém se comoveu com a história da Maria, basta dar um pulinho na Esfiha Chic da Avenida Jabaquara, perto do metrô Santa Cruz. Recomendo a esfiha de queijo e o refrigerante de máquina.

Acho muito legal como as empresas tem procurado fazer o seu papel nas mídias sociais. Algumas acertam bem a mão, outras metem os pés pelas mãos. Mas o bom disso é que sempre tem alguma empresa sorteando alguma coisa, e todo mundo gosta de ganhar um agrado, né? Tá lá o Caio Racca que não nos deixa mentir, feliz e faceiro com o seu avental da Maturatta. Pois eu também decidi me aventurar e pleitear algum brinde nessa internetona sem fim. Entrei no twitter do azeite Borges e os caras estavam premiando com um Kit Borges as 5 receitas mais votadas no facebook deles. Enviei a minha do salmão no forno, que fica bem gostosa, diga-se de passagem. E vai azeite, e bastante. O lance é o seguinte: eu não sei exatamente o que eles tem dentro desse Kit Borges, mas se eu ganhar, divido aqui com a galera. Bom, pra quem quiser me ajudar nessa empreitada, basta clicar no botão "curtir" que tem na página da receita. Clica aqui, ó.

E, por fim, falemos de receitas. Tenho algumas novidades, e nesta semana confesso que estou até indeciso sobre o que devo postar no blog. Queria a ajuda de vocês. Uma das opções é uma receita excelente de um leitor, uma tainha na brasa com vinagrete que deve ser uma delícia. A segunda opção é  uma receita de um catchup que eu fiz em casa. Ficou realmente muito, muito bom, perfeito para comer com aquel bom e velho sanduíche-iche. Bom, de deixar o tio Heinz no chinelo, sem brincadeira. Condimentos feitos com ingredientes frescos, sem conservantes e acidulantes e outros "antes" fica sempre muito bom. A terceira opção é uma costelinha de porco diferente, com colorau e limão, muito show. E a quarta, por fim, é a receita de kibe cru, que é muito gostoso, também. Vocês decidem, podem expressar suas opiniões pelos comentários, podem me acionar via e-mail, via twitter, sinal de fumaça e, quem quiser, pode mandar um caminhão de skol pra casa que a gente não acha ruim, não.


18 comentários:

Caio Racca disse...

Daniel,

Tô ficando todo cheio de tanto que menciona meu nome no teu blog. Daqui a pouco, vai ter neguinho me pedindo autógrafo, paparazzi e o escambáu...

Agora, voltando para a vida real e dura, vai de catchup, que é pra acompanhar aquele churras com queijo ou o hot dog com as crianças!!!

Abs,

Caio Racca

Daniel Rodrigues disse...

Fala Caio

Pois é, quem mandou ganhar o Kit? Ah, você não leu as letras miúdas do contrato? Virou sócio do blog, parceiro! hehehehehe

Vamos nessa, 1x0 pro catchup.

Valeu

Abs
Daniel

Robson disse...

Daniel:

Manda a receita do catchup que com certeza vai fazer grande sucesso!

Um grande abraço!

Robson

Daniel Rodrigues disse...

Falae Robson, beleza?

Pois é, eu acho que vai ser mesmo. Pode deixar, o texto tá quase pronto, só faltam as fotos. Entre hoje e amanhã eu preparo a brincadeira.

Valeu!!

Abs
Daniel

Ricardo disse...

Esse Esfiha chic é na Ouvidor Peleja? Se for também frequento a joça, mas ainda não fui apresentado a Maria.

Voto no Catchup também!! Pra acompanhar aquele sanduíche de pernil xoudibóla.

Abs!

Ayrton Torres disse...

Vai de FellatioCat.

É universal.

Catchup não deve ser usado em cachorro quente, que só deve ter mostarda. Tradição aplicada a todos com mais de 8 anos de idade...rs

Abração

Daniel Rodrigues disse...

Ricardo

Não, é na Jabaquara mesmo, e ali acho que já chama Domingos de Moraes.
Se quiser ser apresentado à Maria, bacana.. mas separe umas moedinhas :-)

Sobre o catchup, parece que fui convencido hehehehe

Abs
Daniel

Daniel Rodrigues disse...

Ayrton, parceiro!!!

Ah, cachorro quente tem que ter catchup, aí eu discordo muito de você.

Mas isso aí a gente discute depois, vamos primeiro à receita do fellatiocat hehehehe

Abs
Daniel

Cinemusique disse...

Dani, tentei curtir o salmão mas o botão de "curtir" não habilitou pra mim...

Aqui em casa é só Heinz (parece que só vende esse aqui no canadá), então, quero ver qual é a do quétichupe aí!

em segundo lugar, fico com a Tainha, tadinha.

Fiquei com vontade de postar o post no face só pra cutucar quem escreve em terceira pessoa... uma mise-en-scene sem fim... ô mundinho de mentira! deve ser a vontade que as pessoas tem de que falem delas... tadinhas.

Daniel Rodrigues disse...

Fala Gabi!!!!

Heinz, na minha opinião, é o melhor catchup. Na verdade, era, porque o caseiro é melhor. Vocês vão ver, a receita é bem fácil, não tem o que errar. E como os ingredientes são frescos, fica mais gostoso.

Esse lance de escrever e falar de si próprio em terceira pessoa é esquisito. Uma vez, ouvi um cara falando que algumas pessoas fazem isso pra se isentar da responsabilidade sobre aquilo que estão falando. Jogador de futebol faz muito isso, ainda no plural. Se refere a ele mesmo como "nós". Bizarro, no mínimo.

Beijoca grande
Dani

Cinemusique disse...

Dani, acho o nós ainda vai, porque ainda é primeira pessoa (do plural). Assim, se o cara se julga bem acompanhado, tipo "eu e Deus", ou "eu e meus anjos da guarda", ou até mal acompanhado, tipo "eu e o zé pilintra", o nós ainda vai... porque ao menos você sabe que o cara que tá falando se inclui na patota.
Mas o ele ou ela... pô! o cara não tá nem ali! quem dirá as boas companhias!

É isso aí, maluco, é nóis na fita!

Daniel Rodrigues disse...

É isso aí, mina, é nóis na fita.

O que me importa nessa conversa toda, é que maria que se chama de maria e não de "eu" não volta pra pernambuco na minha conta :-)

Abs
Dani

Anônimo disse...

Dá-lhe Daniel!!
Posta todas!

Abs

CSá

Daniel Rodrigues disse...

Fala Carlão

Com certeza postarei todas. A enquete, no caso, é só pra dar uma ordem

Abs
Daniel

Renato Henrique disse...

Aew :D

Eu voto pelo catchup, me deixou com agua na boca depois de falar que é melhor que o Heinz.

Vlw
Renato

Daniel Rodrigues disse...

E ae Renato

Veja só, eu não só digo que o catchup que eu fiz ficou melhor do que o Heinz, como posso afirmar que o catchup que VOCÊ vai fazer também ficará. Ingredientes frescos, compana. Sem acidulante, colorante, flavorizante, blablabante.

O texto do post tá quase pronto, só preciso fazer a receita mais uma vez pra tirar fotos.

Abs
Daniel

diogocampos.mes disse...

Voto na tainha...a última que eu fiz ficou um lixo (aquela do tempero de sal grosso com limão). Não tive o dom, o papel aluminio rasgou, o tempero escorreu e a bicha grudou toda na grelha....quero tentar fazer essa diaba de novo.
Mas qualquer uma aí que vier é lucro.

abs!

Daniel Rodrigues disse...

Olha só, um voto na tainha!!!

Diogo, mesmo se ela não ganhar a votação (o catchup tá bombando no pleito), eu vou publicar rapidinho, não se preocupe.

Quanto à tainha com limão, isso é certo: se não fechar o alumínio direito, dá merda :-)

Abs
Daniel

Postar um comentário

Torrou a picanha? Fez a receita e não deu certo? Dúvidas, sugestões, vai encarar? Escreve aí o que quer, mas não coloca propaganda que isso aqui não é a casa da sogra.

Blog Widget by LinkWithin